Animais de estimação

Pode transportar o seu animal de estimação a bordo dos nossos voos. Aceitamos cães e gatos a partir dos 3 meses e 21 dias de idade. Naturalmente a transavia.com também deseja o melhor para o seu fiel amigo de quatro patas durante o voo. Por isso, pedimos-lhe que leia atentamente toda a informação a seguir e que prepare a viagem com bastante antecedência.

Animal de estimação na cabine

Pode transportar o seu animal de estimação na cabine numa bolsa de viagem ou numa gaiola. Esta é colocada por baixo do seu lugar e não pode ser aberta ou deslocada durante o voo, por motivos de segurança do seu animal de estimação.

  1. Dimensões máximas

    Comprimento 47 cm x largura 30 cm x altura 27 cm.
  2. Peso

    O seu animal de estimação + a bolsa devem ter um peso máximo de 10 kg. 
  3. Preço

    40 euros por viagem singular.

Animal de estimação no porão

Pode transportar o seu animal de estimação no porão. Temos uma secção especial aquecida que está equipada com um sistema de climatização e de controlo da pressão. Deste modo pode assegurar-se de que o seu cão ou o seu gato viajam com o maior conforto possível.

Para maior segurança do seu animal de estimação, é importante que a gaiola cumpra os requisitos legais da IATA (Associação Internacional de Transporte Aéreo). Pode pedir mais informações sobre as gaiolas permitidas na sua loja especializada em animais de estimação.

  1. Dimensões máximas

    Comprimento 102 cm x largura 69 cm x altura 76 cm.
  2. Peso

    O seu animal de estimação + gaiola devem ter um peso máximo de 75 kg.
  3. Preço

    €60 por viagem singular.

Gaiolas

Naturalmente, deseja que o seu cão ou o seu gato viaje o mais confortavelmente possível durante o voo. Por isso, é importante que a gaiola ou a bolsa de viagem sejam suficientemente grandes para que o seu cão ou gato se possam levantar (sem tocar na parte superior), rodar e deitar confortavelmente. Coloque no fundo da gaiola uma manta agradável ou uma toalha de mão ou alguns jornais. Por motivos de segurança, não podem ser transportados brinquedos na gaiola. 

SUGESTÕES!

  1. Pode transportar duas crias de cães ou de gatos (se forem da mesma família) ou uma mãe e respetiva cria numa única gaiola.
  2. Procure que o seu animal doméstico se acostume à gaiola antes do voo. Cinco dias são, em princípio, suficientes para que um animal se familiarize com a gaiola. 
  3. Coloque uma etiqueta com o nome do seu animal de estimação e instruções de alimentação na parte lateral da gaiola.

Documentos de viagem

O seu cão ou o seu gato também devem estar munidos de um passaporte, o “passaporte de animal de companhia”. Este documento deve ser emitido por um veterinário competente. O passaporte deve conter os seguintes dados:

  1. Vacinas contra a raiva. O seu animal de estimação deve ser vacinado com uma antecedência mínima de 21 dias antes da partida. 
  2. A secção “exame clínico” deve estar preenchida. Nesta secção, o veterinário indica que o seu animal de estimação foi declarado saudável.

Para poder viajar de avião com o seu animal de estimação, o seu animal de estimação deve ser munido de um chip com um sistema de identificação eletrónica (transponder).

Atenção: para Malta é obrigatória uma análise de sangue complementar da titulação dos anticorpos contra a raiva.

SUGESTÕES!

  1. Tem dúvidas sobre a validade do passaporte do seu animal de estimação? O seu veterinário pode esclarecer-lhe!
  2. Regularize sempre com bastante antecedência todas as questões relacionadas com as vacinas e documentos de viagem. 

Sugestões para a partida

  1. Contacte com bastante antecedência antes da partida a embaixada do país para onde vai viajar. Esta poderá fornecer mais informações sobre a eventual aplicação de normas diferentes ou sobre normas de quarentena. 
  2. Quatro horas antes da partida, não dê nada de beber ao seu animal doméstico. 
  3. Os cães e os gatos podem enjoar no avião. Por isso, não lhe deve dar qualquer alimento 12 horas antes da partida. 
  4. Embora o seu cão ou o seu gato possam estar um pouco agitados durante o voo, não deve sedar o seu animal de estimação antes da viagem. Se o fizer, poderá familiarizar-se menos rapidamente com o seu novo ambiente e a temperatura do corpo poderá baixar.